Destaques

Newsletter

terça-feira, 19 de maio de 2020

Matéria Especial | Motivos para assistir novamente Jaspion, Changeman e Jiraiya na TV aberta

(O sentimento nostálgico não é a única qualidade desse retorno dos clássicos)


A mais de dois meses uma grande surpresa surgiu na TV aberta brasileira, mais precisamente na Bandeirantes em parceria com a Sato Company, o retorno dos clássicos Tokusatsus dos anos oitenta (Jaspion, Changeman e Jiraiya) vem trazendo bons números de audiência, grande engajamento nas redes sociais e um sentimento nostálgico que em tempos sombrios de uma pandemia que está levando tantas vidas e trazendo um caos econômico igualmente trágico para as pessoas... um pouco de felicidade nas manhãs até inicio das tardes de domingo para os “velhos” oitentistas não é nada mal. Abaixo listo alguns motivos desse sucesso inesperado.


Bons níveis de audiência fiel - A ideia da Band era tapar buraco aos domingos de manhã até então ocupada por esporte e que devido a pandemia do Covid-19 ficou tudo paralisado nessa área. A parceria com a Sato Company trouxe mais frutos do que esperado, nessas últimas semanas a audiência das três série beiram a picos de 3 pontos, o que é muito para emissora, sendo Jaspion o de maior popularidade, tanto que ao entregar para a atração seguinte (Band Esporte Clube) a audiência cai drasticamente. O fixo desses números oscilam algumas horas, principalmente com Changema e Jiraiya que veio competindo algumas semanas com outro ponto nostálgico oitentista que seria as corridas do Airton Senna na Globo, mesmo assim são belos números que trazem frutos para um aumento de grade e até publicidade nos intervalos, deixando claro que o bloco tokusatsu não é mais considerado um tapa buraco.


Respeito com os fãs - Todos os pedidos que incomodavam os nostálgicos foram atendidos... Primeiro com o tempo de exibição dobrado, em seguida os encerramentos que eram excluídos, foram adicionados após a exibição dos dois episódios de cada série, ficando ótimo já que os fechamentos de Jaspion, Jiraiya e Changeman são tão bons quanto as aberturas. Por fim, a última coisa que incomodava era a exibição com zoom e acabava cortando as extremidades, com isso, as cenas de transformações e principalmente nas batalhas entre robôs e monstros gigantes ficavam ainda pior, mas tem três semanas que isso foi resolvido com a exibição de tela em 4:3 com enquadramento total e as partes que sobram nas laterais com artes que colocaram em tela bem legais. Resumindo, o respeito da Sato Company em um acordo com a Band é a prova que com carinho e ouvindo os fãs com seus questionamentos cabíveis em busca de melhoria as coisas fluem melhor e com qualidade. Sem esquecer que a própria Sato em seu Instagram avisa quais os títulos dos episódios da semana, um belo cuidado e atenção com seu produto para os telespectadores.


As redes sociais - O Twitter virou um local virtual de muitos extremos, ódio e cancelamentos que estão mais evidentes a cada dia que passa nessa rede social, fora os inúmeros vídeos de coisas nada haver com os assuntos da hashtags. Até nisso Jaspion e cia vem surpreendendo, marcando e seguindo as tags #jaspionnaband #changemannaband e #jiraiyanaband você acompanha minuto a minuto e vai se divertindo com a galera que vai se manifestando a cada cena e acontecimentos dos episódios, isso deixa um laço maior e divertido com as atrações, além das inúmeros fotos das TVs de cada cena que são postadas e com textos de gratidão e elogios, então lá para às 10h25 das manhãs dominicais até o final de Jaspion, as séries ficam entre os assuntos mais comentados do momento (alcançando sempre top3 cada título, concorrentes como os programas da Record e SBT no horário não chegam nem perto), isso contando que Jiraiya perde um pouco, já que muitos comem o "i" e vai dividindo os posts na confusão de Jiraya ou Jiraiya. Isso torna tudo mais agradável de assistir com o celular na mão e interagindo cena a cena com os fãs a cada tweet, sem guerra.


O bloco vai ao ar todos os domingos a partir das 10h30 da manhã na TV Bandeirantes com dois episódios cada de Changeman, Ninja Jiraiya e fechando com Jaspion. A parceria com a Sato Company está indo bem, esperando que novas atrações nostálgicas sejam adicionadas para alegria da galera dos anos oitenta que está revivendo uma época mais simples e apresentando a uma nova geração essas séries heroicas, com roteiros conduzidos de uma forma sem forçar nada.


Para a primeira matéria do ParsaGeeks sobre esse retorno, clique aqui.


Para uma matéria do ParsaGeeks que mostra como alguns episódios são de assuntos mais atuais do que imaginávamos, mesmo se passando em um Japão dos anos oitenta, clique aqui.

obs.: Imagens retirada da internet para reprodução
 ____________________________________________________________________
 Dúvidas, sugestões, parcerias e indicações: contato.parsageeks@gmail.com

Comentários via Facebook

0 Comments:

Postar um comentário

Publicidade

ParsaGeeks

Instagram

© ParsaGeeks - Desbravando Filmes e Séries – Nossos Brindes de Cinema (NBC) Grupo ParsaGeeks