Destaques

Newsletter

domingo, 23 de dezembro de 2018

Crítica Cinema: Era uma Vez um Deadpool

(Oferece pouco para quem já assistiu Deadpool 2)


Sinopse: Deapool (Ryan Reynolds, Deadpool 2) sequestra Fred Savage (Anos Incríveis) e o amarra para que ele ouça o mutante tagarela contar em forma de fábula toda a história de Deadpool 2. Novamente a trama que saiu em maio desse ano com Deadpool, Cable (Josh Brolin, Vingadores Guerra Infinita), Vanessa (Morena Baccarin, Gotham), Dominó (Zazie Beetz), T.J Miller, Leslie Uggams e grande elenco sendo contada. Direção de David Leitch e com produção da 20th Century Fox em conjunto com a Marvel Entertainment. Distribuição nacional pela Fox Film do Brasil.

 Cinema 554: Era uma Vez um Deadpool


Um negócio que apareceu do nada, após o adiamento de Alita - Anjo de Combate de dezembro para fevereiro e X-Men: Fênix Negra de fevereiro para junho do ano que vem... Houve uma grande surpresa ao anúncio de Era uma Vez um Deapool e que foi maior ainda ao saber que seria o Deadpool 2 para menores sem as cenas fortes, palavrões ou comportamento inadequado, com o acréscimo de um dueto de humor entre Ryan Reinolds e o Fred Savage (Eterno Kevin da antiga série e muito boa por sinal Anos Incríveis), a pergunta que todos fizerem se era necessário?... O fato que cobriu uma vaga na grade da Fox até se resolver a venda para Disney e ainda dar uma oportunidade de quem não assistiu poder conferir o longa-metragem com algumas mudanças, só que o  filme saiu em mídia física à pouco tempo... O que deu oportunidade a mais pessoas assistirem e sabemos que quando sai para Home Vídeo... Ainda teve ou vai ter a estreia de Aquaman, Bumblebee e O Retorno de Mary Poppins, ainda com quatro animações de peso vindo no começo de janeiro (Dragon Ball Super - Broly, Homem-Aranha no Aranhaverso, WiFi Ralph - Quebrando a Internet e Como Treinar seu Dragão 3) fora Creed 2 e Vidro, todos filmes de cultura Pop... Fora que no Brasil a coisa é pior... Porque o filme pegou censura 18, mas caiu com 2 dias para 16 anos, só que podendo entrar menores que isso acompanhados de um maior de idade, então rolou Deadpool 2 para criançada toda que teve algum adulto para levar, assim como o primeiro Deadpool. Será que são mudanças suficiente para se ir aos cinemas para conferir de novo ou pela primeira vez e ter o gasto que uma ida para assistir nos cinemas gera (Ingresso, Alimentação, Transporte e Tempo), abaixo eu aponto quais os diferenciais desse "novo" Deadpool.


Sobre a trama em si... São exatamente 10 cenas entre Deadpool e Savage, se chegam à 10 minutos todas juntas é muito, as três primeiras e a última são as mais longas, restante é tudo muito rápido, elas ocorrem em momentos chaves da história... Após a cena já corta para os dois, rolam as piadinhas e volta para o filme. Tirando a última que é sem graça, as outras nove são engraçadas e bem sacadas, o tempo de humor de ambos é bom, poderia ter durado mais. Sobre como foi assistir de novo... Tem algumas cenas da versão estendida, então não é somente censura para se adequar a PG13, outras mudanças é não mostrar sangue, fazendo aquele jogo de cena que vemos normalmente em filmes do gênero com censura baixa, efeito quadriculado para esconder bunda e essas coisas... Além de troca de falas que envolviam putaria ou drogas. Durante o longa-metragem é censura mesmo, mas a história flui normal, apenas na conversa Fred e Pool que o mutante tenta da umas fugidas com umas sacadas legais e só.


Além dessas 10 cenas, ainda temos uma pós créditos dos créditos, seria uma terceira cena, sendo que a primeira é a mesma do filme, a depois das letras subindo tem a décima da dupla e após essa tem uma outra inédita que vale a pena assistir também. Sobre o filme em si, não vou falar porque já teve a crítica dele que você pode lê nesse link a seguir (Crítica de Deadpool 2) pois tirando esses detalhezinhos que mencionei acima... Fica a mesma coisa, não muda a experiência ao assistir. Era uma Vez um Deadpool para quem nunca viu... Vale a pena, mas quem já assistiu... O oferecido é pouco para se ir nos cinemas com tantas outras opções nessa última quinzena de dezembro e a primeira de janeiro para ir vê nas telonas. Como filme a nota é a mesma da época, pois o que foi tirado acabou compensado com o acréscimo das conversas entre Fred Savage e o Deadpool, mas no geral é o mais do mesmo... Literalmente.

  ____________________________________________________________________
 Dúvidas, sugestões, parcerias e indicações: blogparsageeks@gmail.com

Comentários via Facebook

0 Comments:

Postar um comentário

Publicidade

ParsaGeeks

Instagram

© ParsaGeeks - Desbravando Filmes e Séries – Nossos Brindes de Cinema (NBC) Grupo ParsaGeeks