Destaques

Newsletter

quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Cinema 518# Tudo Por Um Popstar

Tudo Por Um Popstar


Três amigas adolescentes: Gabi (Maísa Silva), Manu (Klara Castanho) e Ritinha (Mel Maia) são alucinadas pela banda Slavabody Disco Disco Boys. Após o anúncio que eles iriam fazer um show no Rio de Janeiro, as meninas enlouqueceram para ir vê-los, mas sem ingressos elas tiveram que entrar em um concurso feito pelo Youtuber Billy Bold (Felipe Neto), mas para chegar lá vão precisar da carona da excêntrica Babette (Giovanna Lancelotti). O sonho delas para chegarem perto dos seus ídolos não será nada fácil, principalmente conhecer  o vocalista (interpretado por João Guilherme Ávila). Filme baseado na livro de Thalita Rebouças, com direção de Bruno Garotti e distribuído pela Downtown Filmes.


O filme é adaptação de um livro do inicio dos anos 2000, então precisava ser adaptado para os dias atuais, com toda essa história de bandas asiáticas, o foco é as fãs incondicionais, não importa a época, sempre tem uma geração que adora algum grupo musical por um tempo e depois nem lembra mais ou até se envergonha de tal. A história segue basiquinha sem grandes apelos e insistindo em uma narrativa adolescente para infantil, situações quase artificiais e falas bem pobres de roteiro para justificar o amor das meninas a tal banda. Pensando no público para o qual é voltado, até que vai, apesar de muitas situações arranjadas e forçadas, fora algumas mensagens erradas como sair a noite sem responsável maior de idade, pular janela de prédio atrás de Popstar, bancarem as rebeldes pelas ruas do Rio de Janeiro atrás do seus ídolos ainda sendo adolescente, nada muito explicito, mas chama a atenção negativamente. Apesar disso tudo, tinha uma chance de fazer algo diferente no final, mas acaba apostando no mesmo.


Tem um visual limpo, as musiquinhas são bobinhas, mas até que são bem elaboradas. O elenco tem atuação bem decente, seja o trio das meninas lideradas pela Maísa ou os adultos. A produção comete alguns pecados técnicos, exemplo é uma cena bem tosca delas caindo em uma piscina, dando a impressão de ser um longa mais infantil do que devia, para que não se exija muito dele. A parte de direção de arte é boa, além de montagem que não compromete. Tudo Por Um Popstar é uma proposta voltada a um certo público que nisso entrega de forma razoável, mas no geral peca em coisas básicas como situações e diálogos. No geral ficou regular.


(Filme nota 2,5/5)
Visto em Cabine de Imprensa
Autor: Alan David

ParsaGeeks no Youtube/Facebook/Instagram/Twitter
https://www.youtube.com/channel/UChJJDLVik7gCCMVZrLcGb4whttps://www.facebook.com/parsageekshttps://www.instagram.com/parsageeks/https://twitter.com/ParsaGeeks
____________________________________________________________________

   ____________________________________________________________________
 dúvidas, sugestões e indicações: blogparsageeks@gmail.com

Comentários via Facebook

0 Comments:

Postar um comentário

Publicidade

ParsaGeeks

Instagram

© ParsaGeeks - Desbravando Filmes e Séries – Nossos Brindes de Cinema (NBC) Grupo ParsaGeeks