Destaques

Newsletter

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Cinema 513# Ponto Cego

Ponto Cego (Blindspotting)


Colin (Daveed Diggs, fez Extraordinário) ex-presidiário que está em seus últimos dias de condicional para ganhar sua liberdade. Ele vai tentando uma vida normal e trabalhando junto a seu amigo Miles (Rafael Casal) para terminar sua pena sem maiores problemas, mas as diferenças sociais que assolam a todos ao seu redor, além do temperamento explosivo de Miles e somado aos questionamentos das diferenças do que é certo entre os dois, pode fazer com que Colin corra riscos de perder sua liberdade faltando tão pouco tempo. Elenco ainda conta com Janaina Gavankar, Jasmine Cepha Jones, entre outros, com direção de Carlos Lopez Estrada (Novato na função) e distribuição Paris Filmes.


A história foca em um tema que é bem usado nas produções americanas, que é a questão do racismo em todos os seus graus, já percebemos isso logo no começo do longa, a diferença que em Ponto Cego o foco é dialogar o porque, não apenas explorar a violência em si como em muitos filmes do gênero, tanto que essa produção é classificada como comédia dramática, e sim, tem um humor bem inteligente e crítico. Passando pela jornada de Colin atrelada a de Miles, temos um contraponto de situações e questionamentos, acontece algo logo de cara na trama que acaba colocando tanto o protagonista como o próprio público a se questionar o nosso papel na sociedade, o que podemos fazer para melhorar as coisas e não só lamentar ou reclamar. São temas abordados durante todo tempo que são feitas de forma natural sem forçar, claro que tudo dentro do já vimos em tantos outros filmes, mas aqui é mais incisivo na crítica social dentro de uma história envolvente. Sobre a condução da jornada de Colin, a forma que é construída da um toque de drama que prende você, pois a situação dele é uma linha tênue para que algo dê errado a qualquer momento e o próprio acabe perdendo sua condicional faltando poucos dias, tem uma tensão e toda hora você pensa "agora deu ruim, ele vai ser preso", nisso é um baita ponto positivo para a história.


Tecnicamente sem grandes chamativos, cenário urbano, tem um lance de divisão de tela que de inicio não agrada, mas depois no final tudo faz sentido, a trilha sonora é boa (rap e hip hop), edição coesa sem chamar atenção, tudo flui naturalmente, peca um pouco na atuação do Rafael Casal, às vezes parece caricata, já Daveed Diggs consegue transpor em seu personagem toda sensação de angústia, questionamentos e do querer mudar, além dele ir levando uma vida mais amena pós prisão, nisso ele entrega muito bem, os outros personagens basicamente não acrescentam muito, pois é tão forte Colin e Miles na trama, que o restante fica a segundo plano, inclusive tentam uma sub trama com Miles  e sua família que tem um teor social (responsável por uma cena bem tensa que a muito tempo eu não via), mas também atrelada a dupla de amigos. Temos aqui uma demonstração que da para contar uma história já abordada outras vezes com uma forma de humor áspero, questionamentos e ao mesmo tempo cinematograficamente é uma demonstração que se pode ter uma trama amarrada para segurar o público ao mesmo tempo que trazer sua mensagem social em vários níveis. O nome Ponto Cego é perfeito para o filme, não vou entregar, mas quando mencionado sua mente expande e tudo mostrado até então nesse longa faz sentido, fui positivamente surpreendido, muito bom no que se propôs a fazer.

(Filme nota 4,5/5)
Visto em Cabine de Imprensa
Autor: Alan David

Parceiros do nosso Portal

ParsaGeeks no Youtube/Facebook/Instagram/Twitter
https://www.youtube.com/channel/UChJJDLVik7gCCMVZrLcGb4whttps://www.facebook.com/parsageekshttps://www.instagram.com/parsageeks/https://twitter.com/ParsaGeeks
____________________________________________________________________

   ____________________________________________________________________
 dúvidas, sugestões e indicações: blogparsageeks@gmail.com

Comentários via Facebook

0 Comments:

Postar um comentário

Publicidade

ParsaGeeks

Instagram

© ParsaGeeks - Desbravando Filmes e Séries – Nossos Brindes de Cinema (NBC) Grupo ParsaGeeks