Destaques

Newsletter

domingo, 10 de junho de 2018

Cinema 474# Não Se Aceitam Devoluções

Antes, primeira vez no Moviecom X do Pateo Paulista de Itaquaquecetuba, lugar novo, Shopping com poucas lojas ainda, na sessão, tinham 7 pessoas incluindo eu rs, só que um casal que lá pelo meio do filme começaram a conversar como se estivessem sozinhos na sala, ai mandei um "ouuuuuuuu" então pararam e tudo seguiu tranquilo até o final, quanto ao filme já tinha assistido em 2014 a versão mexicana no Cinemark Tatuapé (tem a critica no blog). 



Não Se Aceitam Devoluções

Vamos ao roteiro do filme: Juca Valente (Leandro Hassum) é um solteirão convicto e mulherengo, mas vê sua vida mudar quando uma ex namorada (Laura Ramos) aparece com uma bebê no colo e larga para que ele cuide, as coisas mudam mais ainda quando ele vai parar nos EUA e passa a trabalhar como dublê e viver uma vida feliz com sua filha Emma (Manoela Kfouri), mas a volta da mãe vai confundir a cabeça de pai e filha, fora um segredo que está acontecendo nessa família, comédia nacional versão brasileira do original mexicano Não Aceitamos Devoluções, roteiro, dirigido e estrelado por Eugenio Derbez, a história de um cara que aprendeu ser pai na marra e tornou a vida da filha um conto de fadas, versão brasileira tem direção de André Moraes (novato na função).🎬


Ao terminar de assistir o filme: Primeiro de tudo, comédia é a especialidade da casa quando se trata de cinema brasileiro, precisava mesmo fazer um remake de versão mexicana? nada contra, mas o original já não é lá essas coisa e esse nacional ficou pior, pois a adaptação Brasil/EUA ficou muito mais forçada que a México/EUA, dito isso, tenho a segunda questão, como Hassum ficou sem graça depois que emagreceu, pois seus trejeitos de piadas funcionava mais nele gordinho, agora vê-lo pagando de galã é muito estranho, ele não consegue dramatizar e não convence como galanteador, pelo menos nisso a versão de Benitez é melhor, o ator mexicano é melhor atuando que o ex-humorista brasileiro, sobre a história é a mesma da versão original, só que peca nas atuações, todos terríveis, salva Hassum quando tem umas piadas e quando ele dramatiza como coitadinho, ai você sente uma dózinha do personagem, no mais, o "grande" plot twist nessa versão ficou escancarado demais, na mexicana tenta enganar melhor, resumindo, o roteiro tem boa intenção, mas não consegue conduzir direito as coisas, versão nacional piorou o que já não era bom, não gaste seu dinheiro com esse longa.


Assistido em: Moviecom X (Itaquaquecetuba)
Data: 02/06/2018
Roteiro:2/5
Atuações:2/5
Direção:2/5
Edição e Mixagem de Som: 2/5
Montagem:3/5
Design de Produção: 3/5
Fotografia: 2/5
Trilha Sonora: 1/5
Efeitos Visuais: 0/5
Diversão: 1/5
Filme nota 1,8/5 (Ruim)


Acessem o canal ParsaGeeks no YouTube


Nos Siga também no Facebook/Instagram/Twitter

https://www.youtube.com/channel/UChJJDLVik7gCCMVZrLcGb4whttps://www.facebook.com/parsageekshttps://www.instagram.com/parsageeks/https://twitter.com/ParsaGeeks
       ____________________________________________________________________

   ____________________________________________________________________
 dúvidas, sugestões e indicações: blogparsageeks@gmail.com

Comentários via Facebook

0 Comments:

Postar um comentário

Publicidade

ParsaGeeks

Instagram

© ParsaGeeks - Desbravando Filmes e Séries – Nossos Brindes de Cinema (NBC) Grupo ParsaGeeks